Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Menu

Racismo e violência contra criança e adolescente são desafios do país

Por Vinícius Lisboa – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro/Imagens Marcelos Camargo – Agência Brasil

Estatuto da Criança e do Adolescente foi publicado há exatos 30 anos

“Esse elemento do racismo, da desigualdade racial, é um elemento que o país ainda não superou. E um dos motivos é porque o Brasil é um país que demorou a admitir que existe discriminação racial. Tivemos uma ideologia de uma pseudodemocracia racial, quando todo os conteúdos escolares e referências de acesso a políticas públicas são brancos.”

O Unicef apresenta diversos dados que corroboram essa avaliação: 64,1% das crianças e adolescentes em trabalho infantil em 2016 eram negros, assim como 82,9% das vítimas de homicídios entre 10 e 19 anos e 75% das meninas que engravidam entre 10 e 14 anos. “Uma criança negra tem três vezes mais possibilidades de abandonar a escola que crianças não negras”, acrescenta Volpi.

Matéria Completa em:agenciabrasil.ebc

Deixe seu comentário: